quinta-feira, 17 de julho de 2014

V8 - Pick-ups e Descobertas

Siglas de Respeito

Mesmo não sendo tão antiga - 1997 para ser mais exato - tenho certeza que todo antigomobilista que passava pela Av. Paralela notava essa fera imediatamente!


Adivinhem o novo endereço da F150 XL que vivia chamando a atenção no Auto Shopping Itapoan?


Uma dica: notem a pontinha do raríssimo Lassale estacionado no fundo da poderosa Pick-up Ford importada. Isso mesmo, a F150 está na mitológica oficina do Santo Augustinho, a Capeto´s Kar.


A bela F150 apresenta a cabine estendida, com três portas, para facilitar o acesso de crianças ou pequenos pacotes. O curioso é que, abrindo as duas portas da direita, a coluna central "desaparece".


O interior, em couro cinza, proporciona um interessante contraste com a chamativa pintura.


A caçamba, numa charmosa versão Step Side, apresenta cobertura em fibra de vidro.


Mais o que realmente encanta os fãs dessa rara versão é a forte motorização, um autêntico V8 Small Block, denunciada pela descarga dupla e maravilhoso ronco característico.


E se um V8 já encanta, imaginem dois !


Confiram a bela Dakota 5.2 (ano 2000) - com cabine estendida - que também adotou o mitológico endereço.


Além de ser um legítimo V8 Magnum, a pick-up carrega outra sigla de respeito: R/T - Road & Track.


Quem conhece e aprecia a Dodge sabe a importância e diferencial dessa poderosa combinação!

Interessados ? Aproveitem: os dois exemplares estão disponíveis para troca de endereço.
Procurar Jean da Capeto´s Kar / 9642-8930.




sábado, 5 de julho de 2014

Crônica de um Resgate (03) - O "Obstáculo"

Bônus no Garimpo

Como se não bastasse a raridade e instigante história do Opala Stock Car da "Mina Mussurunga", conheçam o maravilhoso "chaveirinho" que lhe fez companhia na longa hibernação e virou um fantástico bônus para a garimpagem.


Muito mais antigo do que o Opala, o autêntico Buggy Kadron 1973 parecia ter criado raiz na mitológica garagem de Campêlo e obstruía, sem cerimônia, a saída do poderoso bólido de corrida, como ilustrado na postagem 02 da série do parceiro Opalas SA (confira AQUI).


Vale lembrar que seu verdadeiro - e original - parceiro era o famoso Puma Tubarão 1973 de Campêlo, campeão invicto do Km de Arranque, que também hibernou por décadas nessa garagem após a aposentadoria. O Opala foi trazido de Brasília exatamente para substituir o icônico Puma 07, fato que acabou não acontecendo.


A raiz mencionada é muito mais do que simples figura de linguagem, afinal, após décadas de imobilidade, o Kadron estava com as quatro rodas travadas, absolutamente imexível.


Com a ajuda do "carro de garimpo" - com tração e redução - o Buggy foi literalmente arrastado até o topo da "mina", para finalmente ser embarcado na clássica plataforma convocada para conduzir o Stock Car.


Realmente um imprevisto que gerou certo atraso, mas que virou uma grande descoberta, oportunidade e, principalmente, um inestimável valor para o Antigomobilismo baiano.


Para resolver o bloqueio dos freios e fazer uma revisão na mecânica de baixíssima quilometragem, ninguém melhor do que Jackson, que também já tinha sido escalado para trabalhar no Opala.


Aguardem maiores detalhes sobre esse incrível Kadron, buggy desenhado por Anísio Campos nos primórdios do segmento, com laminação terceirizada pela Puma  e considerado um dos mais bonitos de todos os tempos!


Buggy Kadron, ano 1973, placas amarelas, carroceria 444 e praticamente zero quilômetro.
       








terça-feira, 1 de julho de 2014

Crônica de um Resgate (01) - Os Vestígios

Indícios e Promessas

Depois de incrível garimpagem - há quase seis anos - intensas negociações, muita expectativa e ansiedade, finalmente uma das "lendas urbanas do Antigomobilismo" sairá da sua valiosa toca, curiosa e coincidentemente na data que se comemora a Consolidação da Independência do Brasil - 02 de julho !

Os vestígios, símbolos de uma época (1985), já podem ser conferidos, logo após a liberação oficial dos arquivos primordiais que contam essa incrível história. As primeiras fotos - precárias como os celulares da época - ainda permaneciam inéditas, porém, já testemunhavam o quilate da jóia localizada: uma belíssima "jazida" Opala.


O simples achado já seria digno de comemoração, mas, alguns indícios apontavam para uma "gema" ainda mais rara e especial. Na primeira foto já notava-se o curioso fechamento dos furos de lanternas e abastecimento, além de intrigantes tubos pretos no interior do valente Chevrolet. 

A primeira impressão logo foi confirmada, com a localização de um dos itens característicos de DNA esportivo: cinto de segurança - único do bólido - com quatro pontos de fixação no assoalho. 



Claro que hoje em dia usa-se o modelo seis pontos com fecho rápido, mas, na época, o quatro pontos era o que tinha de melhor em termos de segurança! 

Será que a "Fera" é valente?

Já estamos de plantão - parceria Pit Stop Bahia e Opalas SA - para acompanhar e documentar esse incrível resgate, mais uma ação do Veteran Bahia / Clube do Opala da Bahia.

Assim começa a série "Crônicas de um Resgate".
Aguardem os próximos capítulos!
    


segunda-feira, 9 de junho de 2014

De Carona no Opalas SA - Sedã 1ª Geração

Uma postagem do blog parceiro Opalas SA que - pela raridade e sorte do encontro - merece ser replicado!

Encontro Casual

Confiram a preciosidade que pode ser vista nas ruas de Salvador, no caso, um bucólico bairro residencial!


Um belíssimo - e raro - Opala da 1ª geração, ano 1970 (informação do amigo Eduardo Mello)!


O inesperado da situação obrigou o uso do celular para as fotos, porém, com resultado satisfatório.


Um sedã para ninguém botar defeito!


Alguém conhece o feliz proprietário? Caso positivo, convidem-no para levar essa joia ao Encontro Semanal do Clube do Opala da Bahia ou para o Encontro Mensal Veteran & Convidados!

domingo, 1 de junho de 2014

Quem quer um Lassale?

Oportunidade: Lassale é disponibilizado!


Exemplar localizado em garimpagem das férias de janeiro (conferir abaixo) é, depois dos primeiros passos da restauração, disponibilizado para venda. 


Documentação atualizada, componentes localizados - incluindo bancos e capota removível em fibra, motor acionado, o titular do projeto resolveu repassar o desafio por total falta de tempo para dar a atenção necessária, apesar de manter uma conhecida oficina mecânica no bairro de Santo Augustinho.



Gosto não se discute, mas, é inegável o atual status de raridade, afinal, estima-se um máximo de 30 exemplares fabricados. Pessoalmente não gosto dos faróis e lanternas de Monza, porém, não teria coragem de alterar o padrão original.

Quem tiver interesse, passar o e-mail por comentário que envio o contato de Jean da Capeto's Kar, titular do projeto. Quem conhecer Jean pode ir diretamente à oficina, atual endereço do Lassale.

Para quem não conhece o Lassale, replico a postagem de janeiro do blog Opalas SA, devidamente autorizado é claro - rsrs!

Confiram!


Férias no Garimpo (05) - Lassale


Alguém já viu, ou ouviu falar, do Lassale Digital - "O Primeiro de uma Classe"?


Mais um fruto do período de proibição das importações, o Lassale ostentava mecânica 250S do Opala, lanternas de Chevette, faróis de Monza, carroceria em fibra, chassi revestido, visual e grade com a vã intenção de agradar os apaixonados por Mercedes ou outros carrões exclusivos. Era fabricado pela Ita Motores e Montadora de Veículos Ltda, em Itaquaquecetuba - SP.


Preço estratosférico - igual ao Miura X-8 e o dobro do Santana GLS - design discutível e adaptações grosseiras o transformaram em total fracasso de fabricação e vendas. Há quem diga que não passou de protótipo apresentado no Salão do Automóvel, o que não é verdade, mas possivelmente não chegou a 30 unidades fabricadas.


Mas defendia bravamente o argumento de exclusividade e classe, chegando a portar o brasão - um L estilizado - em ouro 18k, painel digital, três opções de capota - fechado, rígida removível e lona - além de muitos outros itens supostamente inovadores. 

A única combinação efetiva resultou do trinômio exclusividade / opção conversível / mecânica Opala 250S.


Até o brasão era "ouro de tolo", resumindo-se a um corpo de bronze simplesmente folheado, cujo metal nobre logo desaparecia. 

Mas vamos à garimpagem!

Que tal dar de cara com um autêntico Lassale primeira geração*, saindo de uma interminável recuperação na fibra?

Independente da minha opinião em relação ao acabamento ou design, tenho de admitir a formidável sensação de antiguidade, diante da extrema raridade do exemplar.


Além de tudo é um modelo de primeira geração - como já mencionado - pois a traseira ainda não apresentava a capa em fibra do pneu socorro - de gosto também duvidoso - que valeu o apelido de Cadillac brasileiro. 



O titular do projeto ainda não sabe muito bem o caminho  a ser seguido, porém, por enquanto não cogita a venda do exemplar. Faremos o acompanhamento do processo de recuperação desse sobrevivente dos anos 1980, o ápice da indústria nacional dos fora de série.


Para quem não imagina o valor da exclusividade e raridade, ou não acredita na sua redenção, apresentamos uma sequência de fotos capturada na net, com um exemplar que desfila todo o seu potencial.





Garimpeiros na chuva - 31 de maio

Sábado de Novidades e Descobertas

Um sábado muito chuvoso, temperatura amena, tráfego intenso na cidade: condições ideais para ficar em caso curtindo DVDs e pipoca, correto?

Erradíssimo!

Remédio para a chuva: boa vontade e contaminação pelo vírus da ferrugem!

Para o tráfego: muita paciência e oportunidade para uma reunião informal do Veteran Bahia durante o  percurso. Pudemos atualizar algumas providências para a intensa agenda que nos espera nos próximos dias/meses.

A primeira grande novidade foi a definição da data do Encontro Anual no Campo Grande, que sediará também o X Encontro Nordeste. Vale lembrar que é a segunda vez que isso acontece, em função do sucesso de 2008.


Depois chegamos na primeira grande garimpagem: valiosas amizades facilitadas pelo Antigomobilismo, paixão coletiva, verdadeira e viciante!

Fomos calorosamente recebidos pelos amigos do Litoral Norte, que dão um show de união e apego às surpresas.


Que surpresas? Observem a surpreendente e rara joia no cantinho esquerdo. Alguém reconhece? Segurem um pouco a curiosidade, depois voltaremos ao "assunto" ! Rsrs

Aproveitamos a oportunidade para alinhar alguns detalhes com a Diretoria Regional Litoral Norte do Veteran, visando a tão esperada viagem a Santo Antônio de Jesus - 8º Encontro do Recôncavo - que promete ser a melhor de todos os tempos.

O comboio será recorde e a Praça Renato Machado vai lotar! #imperdível


Na volta para Salvador, um estratégico desvio pelo bairro de São Cristóvão para conferir as preciosidades da mitológica "Mina da Família Caldas", recebidos por nosso grande amigo Lício.

Encontramos três joias em processo de lapidação e, mais uma surpresa, um inquietante abandono em terreno baldio perto da oficina.

Primeiro vimos o novo desafio do Ulisses Britto, nosso presidente e Mestre dos Rodders: o Ford Four Door que está sendo transformado no mais puro estilo Hot Rod. #fantástico


Conhecemos o Ford Roadster que foi localizado tão perto - Villas do Atlântico - reforçando a tese que ainda há muitas joias na Bahia esperando abnegados garimpeiros!


Escondidinho e perto da estreia, um componente raro e poderoso que vai apimentar o valente V8 do Dodge de Lício: um autêntico blower - compressor de alta pressão - no mais puro estilo Mad Max!


Lá perto, um outro achado, infelizmente tardio e de pouco potencial para recuperação: uma réplica - em fibra de vidro - de Mercedes conversível, marca desconhecida. Realmente um lamentável desperdício!



Enfim, um sábado muito especial! 

Ainda curiosos? Ok, lá vai a "pérola dourada" - Dourado Laredo Metálico / Ford 1991 para ser mais exato!


Era "simplesmente" um dos 15 raríssimos Pumas AM4 conversíveis - motor AP 1.8 - última geração (1993) dos famosos felinos na versão Alfa Metais.

Mais fotos, novos detalhes?
Aguardem!
     


sábado, 31 de maio de 2014

SS4 no Programa Bahia Motor

Sopa de Letras: SS na TV

O SS4 que estreou no Encontro Anual do Campo Grande - dezembro de 2013 - está em fase final de restauração e virou tema (mais uma vez) do Programa Bahia Motor. 

Fica então o registro de mais uma etapa da belíssima parceria Veteran Bahia / Clube do Opala da Bahia, unidos pelo crescimento e valorização do Antigomobilismo baiano.

Vale lembrar que esse projeto prevê o retorno do Opala ao Campo Grande no fim de 2014 (31 de outubro a 02 de novembro) - esperamos que já com as icônicas Placas Pretas - para o VII Encontro Baiano e X Encontro Nordeste de Veículos Antigos.

Confiram!


Link para visualização direta - YouTube: https://www.youtube.com/watch?v=pN-LHXC7Osk

Aproveitamos para agradecer à toda equipe do Bahia Motor, que muito tem ajudado nesse esforço pela divulgação e crescimento do apaixonante segmento.



Aos amigos da Objetiva Digital, constantes parceiros nessa maravilhosa missão de continuar "Revelando Histórias"!